15. Canção da Sequóia

Nota à Canção da Sequoia

O poema Canção da Sequóia (“Song of the Redwood-Tree”) trata das árvores gigantes da costa do Pacífico, as árvores incrivelmente altas que podem alcançar até 115,5 metros de altura e viver até 2200 anos de idade. No poema há vozes de dríades, as ninfas vegetais e divindades que regem as árvores, e hamadríades, ninfas vegetais que vivem somente o período de vida de suas árvores. Está claro no texto que esta é sua canção de morte conforme é ouvida pelo poeta, já que os lenhadores não ouvem esse choro de morte. Exceto pelo poeta, que a escutou e a traduziu em linguagem comum. A parte em itálico é a voz da ninfa.

Leia o texto completo »